Hoje, meu pior inimigo,
em compaixão ao
me ver destruída,
desabou e chorou comigo.

4 comentários:

júlia vita disse...

o que me passou ao ler isso foi Alívio

bruno dumont. disse...

você morreu, foi???

homem-cova disse...

o melhor dos piores inimigos.

Fabi disse...

eu digo, sinto cada palavra, suspiro em cada verso seu.